Países Participantes
China
China

China-300x200.png

Nome Oficial: República Popular da China

Área (km2): 9.600.000

População (milhões): 1,461.84 (estimativa 2023)

Capital: Pequim

Língua oficial: Mandarim

Chefe de Estado: Xi Jinping

Primeiro-Ministro: Li Qiang

Moeda: Yuan Renminbi (CNY)

Taxa de Câmbio: USD1 = 7.11 CNY (Janeiro, 2024)

Hora local: GMT+8

A China localiza-se na Ásia Oriental, sendo a zona leste do seu território banhada pelo Oceano Pacífico. Composta por uma área de cerca de 9,6 milhões km2, a parte litoral prolonga-se por mais de 18 mil km e a área marítima por mais de 4,7 milhões km2. A China faz fronteira terrestre com 14 países e fronteira marítima com 8 países. A divisão administrativa é composta por 23 províncias, 4 municípios directamente subordinados ao Governo Popular Central, 5 regiões autónomas e 2 regiões administrativas especiais, contando com uma população de 1,41 mil milhões de habitantes.


Na última década, a economia chinesa desenvolveu-se de forma contínua e robusta, registando uma taxa de crescimento muito superior à taxa média do mundo. Sendo a segunda maior economia do mundo, a China veio a consolidar progressivamente a sua posição como potência em manufactura e comércio, fortalecendo notavelmente o seu poder económico. Recentemente, à medida da introdução e implementação de um novo conceito de desenvolvimento, a China tem-se empenhado na promoção de um crescimento de alta qualidade para uma nova conjuntura de desenvolvimento, o que lhe permitiu um salto histórico no poder económico.   


Na China, encontram-se construídas as maiores redes de ferrovia de alta velocidade e autoestrada do mundo, além de várias infraestruturas significativas de aeroportos, portos e instalações hidráulicas, energéticas, informáticas, entre outras. No tocante à indústria tecnológica, contando com o reforço constante na pesquisa básica e inovação de originalidade, o país concretizou avanços em tecnologias fundamentais e indústrias emergentes estratégicas, tendo obtido realizações em diversas vertentes, nomeadamente, projecto espacial tripulado, exploração da Lua e de Marte, exploração do alto mar e do solo profundo, supercomputador, navegação por satélite, informação quântica, tecnologia de energia nuclear, tecnologia de nova energia, fabricação de aeronaves de grande porte, biomedicina, entre outras., pelo que a China tornou-se um dos países inovadores do mundo.  


A China adopta uma estratégia de abertura proactiva e tomou a iniciativa de construir uma rede de zonas de livre comércio de alto padrão voltada ao mundo, acelerando a construção de zonas pilotos de comércio livre e do Hainan Free Trade Port, dando contributo para a implementação conjunta de “Uma Faixa Uma Rota”, iniciativa que se tornou um produto público internacional e uma plataforma de cooperação do mundo. Sendo o principal parceiro comercial de mais de 140 países e regiões, a China registou o maior valor do comércio de bens do mundo, encontrando-se nos primeiros lugares do ranking mundial em termos de atração de investimento estrangeiro e investimento no exterior, o que resulta na formação de uma conjuntura de abertura ao exterior mais ampla, diversificada e profunda.        


02-1.jpg

02-2.jpg

02-3.jpg

02-4.jpg

02-5.jpg